Notícias

13.07.2013
FIM DA GREVE ! MAIORIA DA CATEGORIA APROVOU A PROPOSTA DA CAGEPA. (Tabela dos reajustes)

Cagepianos e cagepianas, temos a plena certeza de que o reajuste fruto de nossa campanha salarial 2013 , está distante daquilo que esperávamos e lutamos, portanto, sabemos que a a proposta apresentada pela CAGEPA não foi dos melhores mais uma vez.

Entendemos a culpa dos fracassos econômicos em que a CAGEPA está mergulhada não é culpa da classe trabalhadora, e devemos buscar fazer uma reflexão profunda sobre o sistema capitalista que nos explora cotidianamente.

A proposta que foi aprovada pela categoria em assembléias e parece que as pessoas às vezes se seguram com naquilo que parece ser melhor e, portanto, a maioria da classe trabalhadora talvez por isso escolheu sair da GREVE.

Vamos lembrar como foram as negociações:

Em 28/06 a Diretoria da CAGEPA disse que não teria reajuste e gostaria de um intervalo de 60 dias para apresentar uma proposta.

Já em 03/07 a Direção da companhia nos apresentou a proposta de 5% dividida em cinco parcelas de 1% ao mês e sem retroativo, inclusive para o ticket alimentação, ou seja, as duas propostas foram rejeitadas pela categoria.

Por isso a categoria decidiu entrar em GREVE no dia 10/07 fato esse que ocorreu com grande adesão dos trabalhadores e trabalhadoras.

Depois de 3 dias  de movimento grevista, e após varias reuniões entre as entidades sindicais e a diretoria da CAGEPA, a empresa apresenta a mais uma proposta que assim como as outras  duas anteriores foi encaminhada para categoria.

Um fato novo foi que a proposta a mesma foi aprovada em João Pessoa, Campina Grande, Guarabira, Patos e rejeitada em Pombal e Cajazeiras, ou seja a GREVE foi finalizada por aprovação da proposta .

Esse exercício democrático, onde a maioria decide pela minoria, nem o STIUPB nem o STIPDASE empurrou qualquer das 3 propostas de goela abaixo, simplesmente, a proposta foi aprovada em um processo de votação em assembleia.

Entretanto, temos a convicção que se não tivesse se a proposta não fosse APROVADA a GREVE continuaria.

A entidades passaram 4 horas na reunião tentando extrair ao máximo a melhora da proposta para trazer ao julgamento dos trabalhadores, a proposta foi explicada, feita as ponderações e ao final colocada em votação e aprovada!

Salário: 5% dividido, 2,5% em agosto e 2,5% em setembro, retroativo : outubro, novembro e Janeiro. ( pula dezembro por conta do 13 salário)

Mais 1% em Janeiro ou seja 6% apartir de janeiro.

Ticket: 580 em 20/07 e retroativo em Agosto e setembro, mais Bônus de 60,00 em fevereiro e 60,00 em março e a partir de abril fica em 590,00.

 

Essa proposta não atenden nem de loge nossas expectativas, mas, a democracia é assim.

Portanto, essa campanha salarial, assim com em 2011 e 2012 onde fizemos GREVES muito difíceis também teve um aspecto muito democrático de participação da classe trabalhadora visto que sempre consultamos os trabalhadores em todas as decisões: Lembrando que em assim como nos anos anteriores fomos à DRT por algumas vezes e não havendo solução, não houve outro caminho senão a GREVE que foi aprovada pelos trabalhadores.

Enfim, apenas terminou mais uma GREVE, mas a luta não acaba aqui, por isso, continuemos de braços dado para lutar constantemente.

Compreendemos a indignação de alguns trabalhadores, mas entendam que lutamos contra uma política de governo, haja vista, que o Governo do Estado tem tratado todas as categorias profissionais do Estado com bastante mão de ferro.

Portanto, esse é um governo difícil, que veio com uma política de arrocho salarial aos trabalhadores, portanto, não adianta colocar a culpa nas entidades sindicais, fizemos o que podia ser feito e os trabalhadores decidiram.

Agradecemos o apoio de cada um e cada uma que se dedicou a GREVE e sabemos que no nunca na historia da CAGEPA os trabalhadores participaram tanto das decisões nas campanhas salariais e outros assunto.

Veja como ficará os "reajustes"

 

Saudações Sindicais

A DIRETORIA

 

 

Outras notícias