Notícias

16.08.2019
Reportagem da assessoria do Stiupb sobre privatização do Saneamento repercute em Jornal de circulação nacional

 

O Jornal de circulação nacional A Verdade, nº 219, do dia 05 deste mês, trouxe uma página inteira com o seguinte título: “Projeto no Senado pretende privatizar saneamento para dar lucros a empresas”, assinada por Emerson Lira, assessor do Sindicato dos Urbanitários da Paraíba (Stiupb), cuja reportagem foi construída com o presidente da entidade, Wilton Maia Velez, numa demonstração que a entidade é reconhecida nacionalmente por seu entendimento e pelo engajamento nesta luta. O artigo, inclusive, foi o destaque principal da capa do jornal.

O jornal tem circulação em Campina Grande, com distribuição em pontos estratégicos da cidade. No último protesto que houve na cidade, dia 13, quando professores e alunos protestaram contra cortes de verbas nas universidades pelo Governo Bolsonaro, o presidente do Stiupb, participou do manifesto com o jornal em mãos.

A matéria do jornal detalha o que está por trás do Projeto do Governo Federal em nome da universalização do saneamento e suas implicações caso as empresas públicas, como a nossa Cagepa, sejam entregues à iniciativa privada.

Conforme a reportagem, o Projeto de Lei nº 3.261. 2019, de autoria do deputado Tasso Jereissati (PSDB-CE), que modifica o Marco Regulatório do Saneamento, não tem nada de novo, mas que busca tão somente atender o interesse privado e prejudicando milhares de brasileiros que ficarão sem a tal universalização do saneamento.

O artigo trata ainda do lobby existente por várias empresas para que aconteçam as privatizações do Saneamento, a exemplo do Instituto Trata Brasil, que é financiado pela Coca-Cola e pela Ambev.

O mais curioso nisso tudo é que o autor do Projeto, o Senador Tasso, tem todo interesse na aprovação desta matéria, tendo em vista que ele é dono da empresa Solar, empresa responsável pelo envasamento e distribuição da Coca-Cola em todo o Nordeste.

Na parte final, a matéria mostra que no Brasil existem vários casos de privatização do saneamento que só trouxe prejuízos para as populações, como o caso de Manaus, além da reestatização do saneamento em várias partes do mundo.

Quem quiser adquirir um exemplar do jornal é só entrar em contato com o Stiupb pelo fone 3341-1140.

 

 

 

Outras notícias