Notícias

01.09.2021
Wilton Maia concede entrevista ao Canal Livre e fala sobre reforma trabalhista, privatizações e o desastre que é o Governo Bolsonaro



O Presidente do Sindicato dos Urbanitários da Paraíba (Stiupb), Wilton Maia Velez, em entrevista nesta quarta-feira, 1º, ao radialista Kennedy Sales, na Rádio Estação Campina (Programa Canal Livre), onde abordou diversos temas relacionados não apenas à categoria urbanitária, mas também discorreu sobre questões nacionais, como o atual momento político que o País atravessa e as crises provocadas pelas ações do Governo Bolsonaro.


Especificamente em relação ao segmento que defende, Wilton Maia falou sobre a MP 1045, que está pra ser votada no Senado e que retira direitos de trabalhadores, como o 13º salário e até férias.


Wilton Maia também destacou que agora em 2011 fez exatamente cinco anos do golpe contra a Presidente Dilma, que foi retirada do poder sem nenhuma denúncia de abuso de poder econômico.


Em outro ponto da conversa ao vivo, o presidente do Stiupb fez uma breve análise do Governo Bolsonaro, que, na ótica de Wilton Maia, foi o pior Presidente já eleito da última geração de políticos, pelo conjunto de maldades que vem adotando contra o povo brasileiro, com a alta dos combustíveis, dos itens que compõem a cesta básica, do gás de cozinha, além das Reformas, da Previdência, a nova Reforma Trabalhista, etc.


O sindicalista também falou sobre os processos privatistas do Governo Federal e que vem sendo encaminhado pelo Governo da Paraíba, que pretende realizar leilão até o final de 2022 para entregar a Cagepa à iniciativa privada, bem como enumerou outros projetos de privatização, como o dos Correios e o da Eletrobras.


Lamentou ainda os milhares de mortos por conta da Covid-19, muitas delas provocadas pela negação do Presidente em relação à doença e também por incentivar a população ao não uso de máscara e ao uso de remédios ineficazes e sem provocação médica.


O Stiupb, conforme Wilton disse ao radialista Kennedy Sales, sempre tem se posicionado a favor dos trabalhadores em todos os Governos: "Sempre pautamos nossas ações em defesa dos direitos da categoria e das empresas públicas".

 

Outras notícias