Notícias

26.11.2012
Sindicato realizou assembléia na Energisa em Patos e Cajazeiras.

Os trabalhadores da Energisa se mobilizaram hoje pela manhã (26/11),  na frente da Energisa em Patos e no final da trade em Cajezeiras. Os trabalhadores junto como o Sindicato dos Trabalhadores das Indústrias Urbanas da Paraíba – STIUPB buscam através da luta conquistarem  melhores condições salariais.

Nosso presidente o companheiro Wilton Maia, esteve dirigindo a assembleia juntamente com os diretores do STIUPB, os debates com os trabalhadores tem o objetivos de esclarecer à categoria sobre os andamentos das negociações entre o STIUPB e os representantes da Energisa. A reunião que tivemos com os representantes da Energisa demonstraram poucos avanços e não iremos aceitas uma proposta que não agrade nossa categoria,  nossa proposta de reajuste salarial é de 8,5%  e  a empresa só ofereceu  6% de reajuste, e nós não aceitamos.

Para Wilton Maia, fica claro que “Só teremos melhores salários e condições de trabalho se nos mobilizarmos. A Energisa obteve lucros fabulosos em apenas nove meses de 2012 (mais de 152 milhões de reais) e  mesmo com tantos lucros, a empresa não quer nem dar um reajuste salarial que pelo menos reponha as expectativas da classe trabalhadora e para piorar, constantente demite os trabalhadores sem qualquer motivo.

Nossa caminhada não ficará a mercê das posturas do sindicato de João Pessoa, se eles aceitam a proposta e se dispõe em defendê-la com em sua base territorial, é uma questão deles, mas, nós que representamos todo o interior do Estado não aceitamos nem defendemos tal proposta encaminhada pela empresa.

As mobilizações irão continuar e podem se intensificar tudo dependerá da como a Energisa irá negociar, esperamos que amanhã a empresa nos apresente uma proposta digna. Caso contratio, iremos aumentar nossa luta, contando com o apoio de vários sindicatos e movimentos sociais organizados, a exemplo do Movimento Luta de Classes - MLC.

 

Outras notícias